29 de fevereiro de 2012

TOPMAN Design - AW12


Na quarta-feira, dia 22 de fevereiro de 2012, foi a vez da TOPMAN desfilar a linha DESIGN na semana de moda de Londres. A inspiração para a coleção masculina AW 12 (Outono-Inverno 2012) vem do dark, do sensual e de um comportamento cultural inspirado em jovens como Patti Smith e Robert Mapplethorpe - jovens que possuem uma alma rebelde e ao mesmo tempo evocam curiosidade e experimentação.

Casacos pesados ​de ​luxo, ricos em texturas como bouclê, PVC, lã grossa são usados com calças de couro desgastas e ankle boots, tudo para moldar e criar um look imponente.

Malhas finas e tops de lurex slim fit são essenciais sob jaquetas com zíperes assimétricos e ternos duplos. A famosa estampa Lily de Mapplethorpe, com inspirações gráficas é impressa em camisas de seda - embora escura e distorcida - acompanha o ritmo e humor da coleção.

Pingentes de couro e rosários criados por Husam El Odeh são colocados em volta dos pulsos e decotes para complementar o look.

Essa coleção dá uma idéia do que virá para a moda masculina das próximas temporadas um visual mais sóbrio, com pouca ostentação e muito preto, mas isso é um assunto para um próximo post, aguardem!

Já está confirmado que a loja abrirá suas portas no Brasil em abril, no shopping JK Iguatemi em São Paulo. Pensa na fila que vai estar no dia da inauguração, com certeza estão ouvindo as preces dos homens fashionistas brazucas.

28 de fevereiro de 2012

Dândi Viagem: Paris


A chegada à Paris, na estação Gare du Nord, foi bem tranquila, fomos de trem partindo de Londres. A entrada em Paris por trem não tem imigração o que é uma excelente economia de tempo, na verdade não sabíamos que não teria, aliás nem era a intenção, queríamos mesmo era andar de trem entre essas cidades, mas não podemos negar que foi uma coisa boa.


Pois bem, para chegar ao hotel que ficava no Operá, tivemos que pegar o metro até a estação de mesmo nome. Andar de metrô em Paris é fácil, mas não é simples, rs! É preciso prestar alguma atenção em relação as inúmeras linhas que passam na mesma estação, em algumas plataformas também passam trens com destinos diferentes, cuidado redobrado, mas é o nível de cuidado normal para quem anda de metrô.

Nós tínhamos a noção de que o hotel ficava em uma área de compras de Paris, próximo a Galeria Laffayette, a Printemps, a Uniqlo, e muitas outras... o Adagio Opéra é um excelente hotel, com apartamentos do tipo estúdio com uma cozinha completa, na qual é possível fazer pequenas refeições e economizar muitos euros com alimentação.

Como tínhamos 5 dias em Paris, pudemos fazer os passeios com calma. Visitamos praticamente todos os locais turísticos principais, a Torre Eiffel, o Arco do Triunfo, a Champs-Elyseés, o Louvre, o jardim das Tuileries, a Opéra Garnier, a Catedral de Notre Dame, e outros locais e praças... bem sinceramente cada esquina era um cartão postal... rs!

A geometria da cidade não é muito simples de andar, os quarteirões não são quadrados, eles tem um formato em que as ruas saem e chegam em praças, o que dificulta bastante para quem não conhece, ter um mapa em mãos é fundamental.

A noite também é bem bacana e no sábado fomos até uma balada que chama Queens, uma das principais para turistas, lá a entrada é 20 euros e não aceitam cartão, só dinheiro. Cada drink de vodka e energético custava uns 17 euros, e a chapelaria que também é a parte e praticamente obrigatória no inverno, custava 5 euros.

Sem sombra de dúvidas foi a cidade mais difícil de se relacionar, pois a língua era a que eu tinha tido menos contato na vida e além disso vocês podem perceber que eles não falam o que está escrito, hahaha! Por exemplo no elevador eu nunca entendia em que andar estávamos. No mercado eu interpretava o texto pela ordem natural das perguntas nos caixas, e pra finalizar os números... que até agora eu não entendi nada, rs!

Nos restaurantes, os pratos com arroz eram minoria, aliás nem comi nenhum... eles acompanham as carnes com uma salada e batata normalmente. Deu para perceber uma preocupação com consumir frutas naturais, que lá são caríssimas.

O mais legal é que deu para tomar bastante Veuve Clicquot, principalmente no dia meu aniversário (sim passei meu aniversário em Paris) que rolou uma PT básica... com direito a passeio estilo "Meia Noite em Paris".

[+] Veja mais fotos na página do Dândi Moderno no Facebook

24 de fevereiro de 2012

New Balance - 574


Já faz um tempo que eu to querendo um New Balance para chamar de meu e confesso que o modelo 574 é o meu preferido. Esse modelo que foi criado em 1988 como uma opção casual aos calçados de performance, e se destaca como um dos modelos mais conhecidos da New Balance. 

Ao longo dos anos conquistou seu lugar como ícone do estilo clássico retrô e ganhou versões especiais como o modelo com logo refletivo e o Sonic, produzido com cabedal em Suede e Mesh prensados a calor, proporcionando um calçado minimalista sem o uso de costuras.

Produzido com diversas combinações de nobuk, couro e nylon, o NB 574 possui ENCAP na entressola, o que diminui o impacto no calcanhar e protege o pé. 

No Brasil o modelo pode ser encontrado em 14 versões com preços a partir de R$229,00.

Qual versão é a sua preferida?

23 de fevereiro de 2012

LVXMAG



É com muito prazer que tenho a honra de anunciar o nosso mais novo parceiro de conteúdo do blog Dândi Moderno.

A revista LVXMAG que sempre traz editoriais super bacanas, com os modelos e stylists mais renomados do mundo da moda, agora também autorizou a publicação desse material aqui para os leitores do blog.

Ao longo dessa parceria os leitores poderão encontrar ensaios muito bacanas para apreciar e se inspirar. Sempre com uma temática moderna e artísticas os editoriais tem qualidade muito elevada e são alvo de excelentes críticas. Vale conferir!


Dá uma olhadinha na qualidade do conteúdo da revista. Legal né?


Valeu Claudio Opazo, que a nossa parceria renda muitos frutos para ambos!

17 de fevereiro de 2012

Fiat Fashion lança coleção FIAT 500


Combinados a referencias minimalistas a linha Fiat 500 traz o design e a sofisticação do carro às roupas e acessórios

O projeto Fiat - Fashion Innovation Attitude é uma plataforma ousada e inovadora que tem um jeito diferenciado de falar de moda, comportamento, arte, design e cultura. Traduz para esse universo a essência da inovação e da tecnologia que estão no DNA da Fiat, reforçando assim os valores da marca e mostrando reflexos da italianidade, além da sua personalidade jovem, ousada e irreverente.

Em 2011 a Fiat lançou o novo Cinqüecento, um carro repleto de design, itens de série, opcionais e estilo. Com a chegada desse “carrão” o Fiat Fashion, sob a supervisão de Rosália Andrade e Karin Betz, desenvolveu uma nova coleção exclusiva e inspirada no modelo que é sucesso no mundo inteiro.

Criadas pelo estilista Guilherme Marconi, as peças da nova coleção Fiat 500 foram inspiradas nas próprias linhas do carro, com design clean, porém sofisticado, que remetem ao sucesso da coleção Fiat 500/2009.

Com referências minimalistas, a nova linha conta com peças diferenciadas como camisas masculinas e femininas, jaqueta perfecto, casacos, vestidos de malha e jeans, maxi T-shirt e calça saruel, além das peças tradicionais como camisetas, regatas e pólos. A linha de acessórios conta com bonés, relógios, tênis e chinelo masculinos em couro, sapatilhas, carteiras, cintos e malas.

As roupas e acessórios da nova coleção Fiat 500 passaram por processos diferenciados de produção com técnicas, lavagens e aplicações inovadoras conferindo à coleção estampas e modelagens exclusivas.

Conheça o catálogo completo da coleção!

15 de fevereiro de 2012

Levis - Customizando


No último sábado (11/02) rolou um evento de customização na recém inaugurada loja da Levis na Oscar Freire em São Paulo.
A loja tem uma fachada super moderna, com 2 andares e a frente toda em vidro.
Nesse dia clientes, bloggers e amigos convidados que quisessem customizar suas peças de roupa contavam com um ateliê de pintura, stencil e aplicações de patches e metais, tudo com ajuda de uma galera profissional no assunto que tinha criatividade de sobra para criar peças exclusivas para cada pessoa.

Quem não tinha levado a sua calça ganhava uma camiseta branca para customizar, as pessoas faziam as suas próprias intervenções nas peças, com carimbos, tachas, patchs e bordados, apenas o stencil era conduzido pela equipe que estava por lá.
As calças sofriam todo tipo de customização e saiam com as caras de seus donos!

O atendimento estava impecável, e pude "aprender" um pouco mais sobre a numeração nas calças da Levis, que tem numeração diferente para "cintura" e "comprimento de perna". Além disso eles usam padrão americano de numeração, o que dá uma confundida básica, mas que os vendedores tem o maior prazer em explicar!

Claro que a música, bebidinhas e comidinhas estavam ótimas!

Quem estiver de passagem na região da Oscar Freire deve ir conhecer a loja!

14 de fevereiro de 2012

Superexclusivo: MEZMO


A MEZMO é uma grife de moda masculina que nasceu em novembro de 2010, e desde sua inauguração carrega a filosofia desafiadora de fazer com que suas roupas sejam mais que simples produtos e que a loja seja mais que um lugar para vender suas roupas.

Com uma coleção despojada e urbana, a Mezmo cria peças capazes de dar os elementos necessários para produzir um look confortável, e descolado, que com certeza, será notado por onde passar. E para proporcionar conforto e facilidade de seus clientes de todo o Brasil, está com uma seleção incrível de peças no site Superexclusivo, confira agora mesmo!

Suas peças são inspiradas e produzidas para o homem contemporâneo, com informação de moda e cosmopolita. Seus estilistas, jovens e talentosos, como Jadson Raniere (que apresenta suas coleções na semana de moda “Casa de Criadores”), Tabata Maffini e Thaís Sanchez, separados ou em conjunto procuram trazer para suas coleções o que há de mais interessante e novo em relação às tendências mundiais da moda masculina, prezando sempre pela inovação e qualidade.

A loja física que fica situada na Rua Frei Caneca em São Paulo tem ambiente acolhedor e aconchegante.

O Superexclusivo traz para o Brasil a tendência mundial em boas compras: o clube de descontos pela Internet. O site disponibiliza as criações das melhores e mais famosas marcas nacionais e internacionais, todas com descontos incríveis.

As promoções duram poucos dias e são semanais. A entrega é feita em todo o território nacional, no endereço escolhido para sua maior conveniência. Aproveite mais essa novidade e garanta as melhores compras!

13 de fevereiro de 2012

Dândi Viagem: Londres


Cara, que cidade é essa? tanta coisa a dizer que eu nem sei como começar, vamos fazer o óbvio e começar pelo princípio.

Como você deve ter visto, antes de ir para Londres eu estava em Milão... e para chegar à terra da rainha pegamos um voô 'econômico' da British Airways, que é econômico mesmo, embora as poltronas fossem de couro, todo o interior do avião dava uma sensação vintage inesquecível, rs! E o serviço de bordo era mais incrível ainda... ofereciam assim: "Doce ou salgado", eu escolhi doce, eles recolheram o salgado... hahaha!
Enfim, depois do vôo, sobre os Alpes, hehe, que foi uma das vistas mais impressionantes que eu já ví na vida, desembarcamos e fomos para a fila da imigração. Imagine você quantas milhares de histórias com o vizinho do primo da esposa do melhor amigo que tinha sofrido horrores na imigração londrina e ainda tinha voltado para casa sem pisar fora do aeroporto. Pois bem, a fila era como uma Torre de Babel, todas as caras, todas as línguas de todos os lugares... Me falaram também que as mulheres eram mais rígidas do que os homens na entrevista de imigração... para a nossa surpresa só haviam mulheres naquele horário. Mas para resumir, estando com as passagens de saída, comprovantes de hotéis em mãos, a entrevista (em inglês) foi bem tranquila.

Cilada 1: Tivemos que trocar euros por libras no aeroporto, imagina um monte de taxas e a cotação mais fdp do mundo... pois é... 100 euros viraram 66 libras...

Como escapar: leve algumas libras compradas antes de chegar em Londres para pagar algumas passagens. Depois, na cidade há muitos câmbios espalhados, o que aumenta a concorrência, nas cotações e na cobrança de taxas, vale super a pena pesquisar...

Cilada 2: O trem que pegamos em milão chamava trem expresso, o turista sabichão aqui chegou no guichê e para ir para Paddington Station pedimos o trem expresso, mais uma facada, hahaha, 19 libras! Que descobrimos depois que é praticamente uma classe executiva. Chegando em Paddington pegamos o metro para Bayswater, estação mais próxima do Hotel, que ficava em Kensington Gardens.

Como escapar: Pegue o metro normal para ir até Paddington, compre o bilhete de um dia que já fica valendo para os passeios.

No hotel o pagamento das diárias é antecipado, e é cobrada uma taxa extra para pagamentos em cartão de crédito, você não está sendo enganado é prática comum em Londres.

Fizemos passeios bacanas por lá, visitamos o Hyde Park, a Bond Street - a rua das compras, e o Madame Tusseau (museu de cera, além disso os passeios mais turísticos, como Big Ben, Parlamento, Abadia de Westminster, o Tâmisa, a London Eye (maior roda gigante do mundo) mas estava em manutenção :( , o palácio de Buckingham e o museu de história natural de Londres, nossa o museu mais legal, interativo e atraente que eu já vi...

O que deu um refresco na Cilada de número 2, foi que em algumas atrações turísticas, como por exemplo o Madame Tusseau você paga 1 e ganha outro se apresentar o bilhete de trem usado para chegar a Londres, nesse caso uma economia de 30 libras... o que acabou ficando elas por elas...

Fomos aos Pubs londrinos também e a cerveja vem em Pints, um copo/medida muito comum por lá, porém era sempre salgado pois custava em média 4 libras. O fish n' chips, também decepcionou... o peixe não tinha gosto de nada!

Para andar por lá também comprávamos tickets diários, e era bem importante prestar atenção aos trens, pois na mesma plataforma passavam trens com destinos diferentes. O clima estava bem gelado, mas também era bem possível ficar confortável com um casaco, cachecol e gorro.

Como você sabe, as libras são caríssimas para nós brasileiros, na verdade acho que é para todo o mundo que não seja britânico, rs! Por isso as compras nas terras da rainha foram escassas e era curioso perceber que tudo é cobrado a parte, por lá, por exemplo, comer em pé ou sentado e o delivery tinham preços diferentes, além disso, mudanças no cardápio também tinham os seus acréscimos!

Faltou visitar lugares importantes como por exemplo: Candem Town e o Picadilly Circus, mas daí já ficou a desculpa para fazer uma nova visita a Londres!

Para sair de Londres e irmos para Paris, resolvemos ir de trem, mas é um assunto para um próximo post!

E aí gostaram?

10 de fevereiro de 2012

e-Neon


Os meninos que sempre curtiram a Neon estão com sorte, ok, os meninos e meninas também, todo mundo foi beneficiado pelo lançamento do e-commerce da marca que tem um super DNA brasileiro.

Além do mais as estampas fortes nunca estiveram tão na moda quanto agora, e a marca garante que as peças produzidas para a loja virtual são exclusivas para esse canal e os preços estão super acessíveis.

Dudu Bertholini comentou que sempre foi uma vontade deles poder disponibilizar as peças que produziam para o Brasil inteiro e com o e-commerce isso já é uma realidade.

Existem outras peças consideradas unissex podem ser encontradas navegando um pouco mais na loja virtual, algumas delas não são o meu estilo, mas outras acho bem viáveis. Vale dar uma conferida e-Neon !

Ps: Tentem abstrair das poses "abravanadas" do Dudu, e se concentrem nas peças, hehehe!

7 de fevereiro de 2012

Casual Corporativo


Você arrumou um novo emprego e acaba de descobrir que a maneira de se vestir deve ser “casual corporativo”. Casual o quê? Calma! Não se desespere. Pelo menos não com o seu guarda-roupa. Casual corporativo é menos formal que terno e gravata, mas também não é jeans e chinelo. 

Vamos te dar dicas para se manter tão alinhado quanto o cara ao seu lado, e por muito menos.

Embora dependa do tipo de local em que você trabalha, traje casual corporativo geralmente quer dizer informal, profissional e comportado. “Você não precisa usar gravata, tudo bem, mas também não é para ir com calça de moletom. Pense no look de uma forma geral e faça com que as peças combinem”, recomenda Khurshid Begum, especialista em moda. 

Veja como fazer isso:

Passo nº 1: Confira o que você já tem

Todo mundo tem um jeans, então, se você não tem uma calça jeans escura, de corte reto, precisa imediatamente de uma. Se o seu trabalho é do tipo mais criativo, o mesmo vale para um par de tênis pretos, seja de tecido ou couro. Provavelmente você tem algumas camisas de botão e manga comprida e uma calça de cor neutra. Essas são as bases. "O segredo aqui é parecer arrumado sem ser formal. Isso quer dizer que suas roupas não devem estar muito deterioradas. Se você perceber que a parte das axilas já está amarelada ou que os colarinhos estão desgastados, troque a peça", sugere Begum. E nada de usar roupas amassadas. Elas passam uma impressão de desleixo.

Passo nº 2: Preencha os vazios do seu guarda-roupa

Se estiver tentando conter os gastos, mantenha as cores básicas; não compre calças laranja ou camisas verdes, pois elas serão usadas com muita limitação. Prefira cores neutras, como azul, cinza e bege para fazer mais combinações com o mesmo grupo de roupas. A grande sacada é conseguir combinar cada peça que você comprar com, pelo menos, dois outros itens. É assim que você configura o seu guarda-roupa, não apenas comprando mais e mais roupas.

Tenha em mente a seguinte lição como algo fundamental: um cinto legal, um sapato de couro resistente, peças de cor cáqui, uma boa jaqueta e diversas camisas (duas brancas, duas azuis e duas listradas, para dar uma variada). O especialista também recomenda ter meia dúzia de pares de meias pretas que cheguem até a panturrilha e uma bege. “A forma mais fácil de ser taxado como bobo é aparecer com um look excelente e arruinar tudo mostrando meias brancas esportivas", alerta ele.

Passo nº 3: Faça a combinação

Você pode vestir uma camisa azul com uma calça cáqui duas vezes por semana, mas dê uma mudada na segunda vez, talvez optando por uma camiseta, ou por uma gravata slim fit (outro bom item extra se couber no seu bolso). Se você for usar a gravata e estiver no ambiente certo, poderá até usar tênis para contrastar com o look. A consultora de moda Patty Villar sugere o que você deve vestir para variar com a calça caqui. “Use uma calça jeans com uma lavagem bem escura, estilo dark blue, camisa de algodão com listras finas em azul e branco mas que seja mais justinha no corpo. O sapato pode ser de cor clara ou colorido”, ensina ela.

Passo nº 4: Lojas

Escolha marcas masculinas mais modernas como Aramis, Osklen e Reserva. Tudo bem! Nós sabemos que elas estão acima do que você gostaria gastar mas é apenas para se inspirar. Escolha alguns looks básicos dessas lojas (até mesmo na vitrine) e use-os como ideias antes de ir até lojas mais acessíveis ou as lojas de departamento como a Renner.

Gentilmente cedido para Dândi Moderno, por Michael Rovner For Men's Life Today

6 de fevereiro de 2012

MINI Roadster


A MINI lança o sexto modelo, e para nossa feliz surpresa se trata de um conversível para duas pessoas beeeeeem legal. Ele possui uma frente bem característica dos MINI porém bastante imponente e robusta. Com o para-brisa mais inclinado a aerodinamica fica ainda melhor do que a dos outros MINI.

"A forma do carro é atlética e esportiva, com identidade 100% MINI. A estrutura ágil, de três caixas traz a marca inconfundível do MINI, onde a forma sempre segue a função – e rápido."

Outra característica super incrível, na traseira existe um spoiler turbinado que levanta automaticamente quando atinge os 80 km/h — ele dá mais estabilidade e segurança ao veículo.

O porta-malas é grande e apresenta uma inteligente abertura que vai até o banco dianteiro, para que acomode itens mais compridos sem muito esforço.

Dá uma olhada no vídeo que a MINI fez para acompanhar o lançamento desse pequeno GRANDE carro.



E aí curtiram?

4 de fevereiro de 2012

Dândi Viagem: Milão


Oi pessoal, quem tá aqui todo dia já viu que eu fui de férias para a Europa, e nos meus sonhos estavam conhecer as principais capitais da Moda na Europa, então escolhi Milão, Londres e Paris, nessa ordem. Neste post eu vou falar um pouquinho sobre Milão, os lugares legais para conhecer, onde ir fazer compras e algumas dicas de viagem para Milão, para facilitar ainda mais a sua vida!
Indo do Brasil, a chegada é no aeroporto internacional de Malpensa, aí já vai uma dica valiosa, eu tinha notícias de que Milão era uma cidade tranquila para "entrar" na Europa, mas percebi que não é bagunça também não, para passar com menos problemas pelo pessoal da imigração, capricha MUITO na beca, isso mesmo, os passageiros saem "montados" do avião... camisa, blazer, sapato, alguns gravata, óculos escuros e carão... isso já evita a primeira barreira logo na saída do avião... eu fui de camiseta e calça de moletom para passar as 12h de viagem com mais conforto, tive que encarar as consequências, fui parado na primeiríssima barreira logo na saída do avião... o cara pede o passaporte e pede para você esperar num cantinho, depois de uns 5 minutos acho que ele percebeu que não estávamos nervosos, nem nada e liberou a gente, e ainda não tínhamos nem passado pela imigração realmente... que foi tranquila, já que tínhamos a reserva do hotel e as passagens para Londres.

Para sair do aeroporto e chegar ao centro é possível pegar um trem ou um ônibus que vai até o Estazione Centrale... optamos pelo trem expresso, que tinha apenas 4 paradas, por 7 euros, o mesmo valor do ônibus. Para comprar o bilhete falamos em inglês, não houve problemas ou hostilidade que normalmente dizem que existe quando se fala inglês nesses países latinos.

Já no hotel, o atendimento também é todo em inglês, como a conversa foi mais longa deu pra perceber um inglês com sotaque italiano bem engraçado, o recepcionista deve ter tido a mesma impressão da gente, rs... em Milão o pagamento é no final da estadia... Todos os lugares tem aquecimento e é quase instantâneo entrar e retirar o casaco, porque é quente mesmo.

Ficamos por 3 dias em Milão, em um hotel próximo a Estacione Centrale e a Corso Buenos Aires, onde havia muitas lojas bacanas, tanto lojas "desconhecidas" e outras com fama internacional, tudo estava em SALE, mas nem por isso tão baratas, pois tudo em Euro, eram quase 2,5x o valor em real.

Milão é uma cidade pequena porém muito desenvolvida, muitos metros, mas dá para visitar os principais lugares a pé mesmo. Os principais são a Piazza D'uomo, a Catedral D'uomo, a Galeria Vittorio Emanuelle, o teatro Scala, tudo na mesma região.

Próximo dalí tem a Casa Armani, que é um mega empreendimento com coleção de roupas, itens para casa, bar, restaurante e balada! E não é que tinha uma Osklen na mesma rua... rs!

A comida lá é uma delícia e se pode comer bem com uns 15 euros por refeição... os refrigerantes e sucos são bem caros, então vale muito a pena pedir uma garrafa de vinho para acompanhar a sua refeição, e aparentemente o alcool "sobe" menos nesses países mais frios. Grande parte dos garçons são indianos, e na pizzaria que fomos o cara parecia curtir o Brasil, e colocou até música cubana (#fail) para a gente ouvir, hahaha!

O clima de lá é bem frio, por causa da proximidade com os Alpes com neve permanente... mas é perfeitamente suportável com uma malha de lã, um casaco, um gorro e eventualmente luvas... não precisei usar long johns por exemplo, uma calça jeans era o suficiente para suportar o frio nas pernas. As menores temperaturas são na madrugada, quando você deve estar na cama.

Na penúltima noite em que estávamos lá, um grupo de modelos estavam jantando na mesma pizzaria que nós... estavam fazendo casting para a semana de moda de Milão que ocorreria na semana seguinte, infelizmente fomos para Londres e não conseguimos acompanhar nada "ao vivo".

E adivinhem, os milaneses não usam cor no inverno, é tudo preto, cinza ou marrom escuro... color block nem pensar... e eu turisticamente com minha calça verde, hahaha! #LookFail

Para finalizar, Milão é um encanto, a arquitetura é demais, tudo muito bonito, deixou um super gostinho de quero mais.

Gostaram do relato? Nos próximos dias teremos Londres! Até mais!

3 de fevereiro de 2012

Mercedes-Benz for Men


Chega ao Brasil, o perfume da Mercedes-Benz que já é um dos grandes sucessos da empresa no mundo. A fragrância Mercedes-Benz for Men, item de alto luxo que carrega a sofisticação e a qualidade inerentes à marca, o perfume, Amadeirado Floral Fresco, é sedutor e marcante, cuidadosamente pensado para quem vive em alta velocidade, mas é clássico nas escolhas. Elaborado pelo renomado perfumista Olivier Cresp, da Firmenich, Mercedes-Benz for Men ressalta o espírito independente do homem moderno, sedutor e bem-sucedido. Este consumidor conhece em detalhes a arte da conquista, possui gosto refinado e consome produtos que combinem com o seu ritmo de vida, versátil e marcante.

Notas de topo: Bergamota da Calábria, Pepino, Tangerina Italiana, Limão e Folhas de Violeta Absoluto.

Notas de coração: Pimenta Bourbon, Castalone®, Gálbano, Noz Moscada e Flor de Violeta

Notas de Fundo: Ambrox®, Cedro Americano, Vetiver de Bourbon, Limbanol e prismas de Patchouli


Pela descrição super parece comigo, hehe!

Disponível em frascos de 75ml e 120ml, estará nas melhores perfumarias a partir de abril.

2 de fevereiro de 2012

Jonas, mister Brasil e BBB na Sideway


E aí pessoal?

Vocês conhecem o cara da foto né? 

Ele é o Jonas, mister Brasil e atualmente está confinado no programa mais vigiado do Brasil, o BBB! 

E não é que o cara também é a estrela do lookbook de primavera/verão 2012 da Sideway, marca super parceira aqui do blog! Na verdade eles já estão quase lançando o Inverno 2012, e lógico que eu vou lá conferir logo, logo, mas enquanto isso não acontece, a gente pode continuar adimirando as fotos da campanha atual.

As fotos foram tiradas antes do confinamento, e aparentemente o Jonas ainda nem imaginava que ia ser um dos escolhidos para entrar no BBB. 

Vai dizer que não é uma coincidência boa pra fazer bombar a divulgação do lookbook? Eu acho que é...quem quiser curtir mais fotos dele vai lá no face do Dândi... clica!

Vax Barcelona - Degustação


No final do ano passado (2011) eu recebi da Vax Barcelona os produtos da foto acima para fazer uma degustação e escrever um relatório para eles. O esquema era o seguinte, eu usaria os produtos por algum tempo e descreveria as minhas impressões boas ou ruins, simples assim! Eu achei a experiência muito bacana e me senti lisonjeado pela confiança que depositaram em mim.

Depois do período combinado, hoje eu terminei o relatório e ficou tão bacaninha que eu gostaria de compartilhar com vocês o formato que eu bolei, mesmo que as infos a princípio sejam confidenciais...

Aposto que vocês verão muita Vax Barcelona por aqui em 2012...

Editor

Minha foto
São Paulo, Brazil
PÓS-GRADUADO EM MODA E CRIAÇÃO - Faculdade Santa Marcelina - SP Já realizou trabalhos como personal stylist, CONSULTOR DE MODA e colunista de moda