James Franco é o novo rosto da Coach

James Franco é anunciado como new face da ‘Coach For Men’, a nova fragrância masculina que será lançada em Setembro. Ator, diretor, es...

13 de fevereiro de 2012

Dândi Viagem: Londres


Cara, que cidade é essa? tanta coisa a dizer que eu nem sei como começar, vamos fazer o óbvio e começar pelo princípio.

Como você deve ter visto, antes de ir para Londres eu estava em Milão... e para chegar à terra da rainha pegamos um voô 'econômico' da British Airways, que é econômico mesmo, embora as poltronas fossem de couro, todo o interior do avião dava uma sensação vintage inesquecível, rs! E o serviço de bordo era mais incrível ainda... ofereciam assim: "Doce ou salgado", eu escolhi doce, eles recolheram o salgado... hahaha!
Enfim, depois do vôo, sobre os Alpes, hehe, que foi uma das vistas mais impressionantes que eu já ví na vida, desembarcamos e fomos para a fila da imigração. Imagine você quantas milhares de histórias com o vizinho do primo da esposa do melhor amigo que tinha sofrido horrores na imigração londrina e ainda tinha voltado para casa sem pisar fora do aeroporto. Pois bem, a fila era como uma Torre de Babel, todas as caras, todas as línguas de todos os lugares... Me falaram também que as mulheres eram mais rígidas do que os homens na entrevista de imigração... para a nossa surpresa só haviam mulheres naquele horário. Mas para resumir, estando com as passagens de saída, comprovantes de hotéis em mãos, a entrevista (em inglês) foi bem tranquila.

Cilada 1: Tivemos que trocar euros por libras no aeroporto, imagina um monte de taxas e a cotação mais fdp do mundo... pois é... 100 euros viraram 66 libras...

Como escapar: leve algumas libras compradas antes de chegar em Londres para pagar algumas passagens. Depois, na cidade há muitos câmbios espalhados, o que aumenta a concorrência, nas cotações e na cobrança de taxas, vale super a pena pesquisar...

Cilada 2: O trem que pegamos em milão chamava trem expresso, o turista sabichão aqui chegou no guichê e para ir para Paddington Station pedimos o trem expresso, mais uma facada, hahaha, 19 libras! Que descobrimos depois que é praticamente uma classe executiva. Chegando em Paddington pegamos o metro para Bayswater, estação mais próxima do Hotel, que ficava em Kensington Gardens.

Como escapar: Pegue o metro normal para ir até Paddington, compre o bilhete de um dia que já fica valendo para os passeios.

No hotel o pagamento das diárias é antecipado, e é cobrada uma taxa extra para pagamentos em cartão de crédito, você não está sendo enganado é prática comum em Londres.

Fizemos passeios bacanas por lá, visitamos o Hyde Park, a Bond Street - a rua das compras, e o Madame Tusseau (museu de cera, além disso os passeios mais turísticos, como Big Ben, Parlamento, Abadia de Westminster, o Tâmisa, a London Eye (maior roda gigante do mundo) mas estava em manutenção :( , o palácio de Buckingham e o museu de história natural de Londres, nossa o museu mais legal, interativo e atraente que eu já vi...

O que deu um refresco na Cilada de número 2, foi que em algumas atrações turísticas, como por exemplo o Madame Tusseau você paga 1 e ganha outro se apresentar o bilhete de trem usado para chegar a Londres, nesse caso uma economia de 30 libras... o que acabou ficando elas por elas...

Fomos aos Pubs londrinos também e a cerveja vem em Pints, um copo/medida muito comum por lá, porém era sempre salgado pois custava em média 4 libras. O fish n' chips, também decepcionou... o peixe não tinha gosto de nada!

Para andar por lá também comprávamos tickets diários, e era bem importante prestar atenção aos trens, pois na mesma plataforma passavam trens com destinos diferentes. O clima estava bem gelado, mas também era bem possível ficar confortável com um casaco, cachecol e gorro.

Como você sabe, as libras são caríssimas para nós brasileiros, na verdade acho que é para todo o mundo que não seja britânico, rs! Por isso as compras nas terras da rainha foram escassas e era curioso perceber que tudo é cobrado a parte, por lá, por exemplo, comer em pé ou sentado e o delivery tinham preços diferentes, além disso, mudanças no cardápio também tinham os seus acréscimos!

Faltou visitar lugares importantes como por exemplo: Candem Town e o Picadilly Circus, mas daí já ficou a desculpa para fazer uma nova visita a Londres!

Para sair de Londres e irmos para Paris, resolvemos ir de trem, mas é um assunto para um próximo post!

E aí gostaram?

Um comentário:

Seja bem vindo e deixe a sua opinião!

Pessoal os comentários são moderados, só aparecem após aprovação. Obrigado por participar!

Editor

Minha foto
São Paulo, Brazil
PÓS-GRADUADO EM MODA E CRIAÇÃO - Faculdade Santa Marcelina - SP personal stylist, CONSULTOR DE MODA e editor de moda